Doces, Sobremesas

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

A pavlova é uma sobremesa tradicional que é bem conhecida, mas hoje eu quero compartilhar com vocês esse delicioso rocambole de pavlova com frutas vermelhas. 

A origem da pavlova clássica é incerta, alguns dizem que foi criada na Nova Zelânddia e outros na Austrália, mas o que se tem certeza é que ela foi criada em homenagem à bailarina russa Anna Pavlova, sua base de claras tem formato da saia das bailarinas. Assim, ela se tornou uma sobremesa muito tradicional na Rússia e foi no canal russo CookingTime que eu conheci o rocambole de pavlova e confesso que estou apaixonada.

Eu sei que aqui no blog está faltando a receita da pavlova tradicional, eu até preparei duas vezes com ameixas lá na casa da minha família, mas acabei não fotografando. Então, aproveitem o meu rocambole de pavlova e assim que possível, farei a clássica.

Esse rocambole de merengue é prático e o preparo é simples. É uma sobremesa que mistura o rústico com o sofisticado, pois sua superfície é craquelada, mas seu recheio é delicado e elegante. Em conclusão, só posso dizer que você precisa experimentar essa sobremesa. Afinal de contas, experimentar essa delícia é a única forma de entender como ela é maravilhosa.

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Nos links abaixo, eu separei mais algumas ideias de sobremesas gostosas para você fazer em casa.

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

5.0 from 5 reviews
Rocambole de pavlova com frutas vermelhas
 
Tempo de preparo:
Tempo de cozimento:
Tempo total:
 
Faça essa sobremesa russa na sua casa.
Autor:
Categoria: Sobremesas
Cozinha: Internacional
Rende: 10
Palavras-Chave:
como fazer pavlova, frutas vermelhas, receita de pavlova, rocambole de pavlova, Sobremesa gelada,
Ingredientes:
  • Base
  • 4 claras de ovo
  • 125g de açúcar mascavo
  • 125g de açúcar de confeiteiro
  • Amêndoas laminadas a gosto (opcional)

  • Recheio
  • 250g de creme de leite fresco ou nata - resfriado (veja dicas)
  • 50g de açúcar de confeiteiro
  • 200g de frutas vermelhas

  • Finalização
  • 50g de chocolate meio amargo
  • 1 colher (sopa) de creme de leite
  • Frutas vermelhas a gosto

  • Materiais
  • Papel manteiga
Modo de fazer:
  1. Aqueça o forno a 200°C.
  2. Na batedeira coloque as claras e bata por aproximadamente 1 minuto, até obter uma espuma leve. Então, adicione o açúcar mascavo e bata muito bem até dissolver completamente o açúcar e firmar um pouco.
  3. Adicione o açúcar de confeiteiro e bata por aproximadamente 5 minutos, até obter um merengue fique bem firme.
  4. Então, coloque um pedaço de papel manteiga sobre uma forma (preferencialmente) baixa e unte-o levemente com óleo.
  5. Coloque o merengue no centro do papel manteiga, usando uma espátula alise para obter um retângulo para deixá-lo o mais uniforme possível.
  6. Espalhe as amêndoas e leve para assar.
  7. Asse por 8 minutos a 200°C, então baixe a temperatura para 160°C e asse por mais 10 a 15 minutos.
  8. A superfície deve ficar um pouco crocante ao toque, levemente dourada e bem rachada, o centro ainda deverá estar macio.
  9. Retire do forno, coloque um pano de prato limpo ou um pedaço de papel manteiga na bancada. Coloque o merengue com as amêndoas viradas para baixo e remova delicadamente o papel usado para assar.
  10. Deixe ali esfriando, enquanto isso, prepare o recheio.
  11. Na batedeira coloque o creme de leite e o açúcar de confeiteiro e bata até ficar firme e liso.
  12. Corte as frutas vermelhas.
  13. Espalhe o chantilly uniformemente, espalhe as frutas.
  14. Então, comece a enrolar usando o papel manteiga ou pano de prato para ajudar.
  15. Derreta o chocolate com o creme de leite, regue sobre o rocambole, principalmente no centro, para ajudar a fixar as frutas.
  16. Imediatamente coloque as frutas para decorar e leve para a geladeira.
  17. Deixe na geladeira por aproximadamente 2h antes de servir.
 

Dicas para a receita

  • Papel manteiga: Ele é essencial para assar a base, eu usei o da marca Dover. Ele é um papel diferenciado que nem precisa untar e a base solta facilmente.
  • A forma baixa: Ela facilita na hora de alisar o merengue, mas se você não tem, pode usar uma forma tradicional.
  • Espalhando o merengue:  O meu merengue ficou com aproximadamente 28cm x 26cm, quase quadrado, pois esse era o formato da minha forma. O importante é obter uma camada o mais uniforme possível e com espessura parecida com a da foto.
  • Creme de leite ideal: O creme de leite fresco é o ideal para chantilly, mas ele é um pouco caro. Então, você pode usar um creme de leite de 30% a 35% de gorduraEu usei nata, ela tem mais gordura, mas funciona muito bem.
  • O ponto do chantilly: Bata o creme de leite resfriado com o açúcar até obter um creme firme, mas tenha cuidado, principalmente com a nata, para evitar que passe do ponto e vire manteiga.
  • Amêndoas: Elas conferem um sabor incrível, mas se você não tem em casa, pode fazer sem.
  • As frutas: Eu fiz com mirtilo, framboesa e morango, mas você pode usar as frutas de sua preferência. Evite usar frutas que soltem muito líquido.
  • O tempo de forno: Na receita original ele sugere 18min, mas no meu forno deixei 8min a 200°C e 16min a 160°C. O importante é que a superfície fique rachada, levemente crocante, já o miolo ainda vai estar macio.
  • O chocolate: Essa parte da finalização é opcional, mas fica uma delícia. Se quiser, você pode fazer com saco de confeiteiro, mas eu espalhei usado regando o chocolate com a ponta da colher mesmo.

 

 

Enrolando o rocambole

Ao enrolar, você vai ver que ele vai rachando em alguns lugares. No entanto, siga em frente, use sempre o papel manteiga ou a toalha para ajudar no processo. É assim mesmo, é uma sobremesa rústica, com casquinha crocante e ela vai rachar um pouco e mesmo assim, vai ficar linda. Afinal de contas, o rústico também tem muito charme.

Quando finalizar o rocambole, se preferir, você pode cortar as pontas para que ele fique mais bonito, mas não descarte, aproveite para experimentar a sobremesa.

 

Sem açúcar de confeiteiro em casa?

Ele essencial para um merengue delicado. Por isso, se você não tem, pegue açúcar cristal ou refinado e bata no liquidificador até obter um pó completamente fino. Pronto!

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Uma sobremesa para ser consumida no dia

Como o rocambole é recheado com chantilly e frutas, essa é uma sobremesa para ser consumida no dia. Deixe gelar, firmar o recheio e sirva. É claro que ela pode ser consumida no dia seguinte, ela vai estar deliciosa, mas vai estar mais úmida. Na geladeira, a pavlova sempre solta um pouco de líquido, é completamente normal.

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Uma sobremesa gelada, sofisticada, mas fácil e deliciosa.

 

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Você fez essa receita?

Então me conte o que achou do resultado. Se puder, deixe seu comentário lá no final desse post e avalie dando a quantidade de estrelas que essa receita merece. A sua opinião é muito importante para mim e principalmente, para os outros leitores que chegam até esse post.

Rocambole de pavlova com frutas vermelhas

 

Gostou da receita? Então salve as imagens nas suas pastas do Pinterest, assim você pode guardar e fazer na sua casa quando quiser.

12 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Avaliação: