Acompanhamentos, Salgadas, Vegetarianas

Batatas gratinadas com manteiga dourada

O meu livro Paris em Casa acabou de chegar, sentei e folhei ligeiramente, e então escolhi a primeira receita para testar. Essas batatas gratinadas com manteiga dourada são simplesmente incríveis.

Essa receita  é conhecida como batatas Anna, um prato criado pelo Chef Adolphe Dugléré no Café Anglais que era famoso no século XIX. O restaurante fechou durante a Primeira Guerra Mundial. Atualmente é raro que se encontre esse prato nos cardápios de restaurantes parisienses. Então, o livro resgata essa receita que é de uma simplicidade absurda e de sabores incríveis.

Faz três dias que fiz a receita e já estou louca para preparar novamente! A manteiga dourada é um passo simples de fazer e que dá um toque de nozes, um aroma incrível e transforma simples batatas em um prato sofisticado e impressionante.

Essa receita vai bem com peixes, carnes assadas e  também para uma refeição vegetariana, basta montar uma boa salada para acompanhar. A minha sugestão é essa Salada de morango e molho de balsâmico.

 

Batatas gratinadas com manteiga dourada

 

Batatas gratinadas com manteiga dourada

 

Batatas gratinadas com manteiga dourada

 

5.0 from 1 reviews
Batatas gratinadas com manteiga dourada
 
Tempo de preparo:
Tempo de cozimento:
Tempo total:
 
Prepare as batatas Anna, essa receita de deliciosas batatas gratinadas com manteiga dourada.
Autor:
Categoria: Acompanhamento
Cozinha: Francesa
Rende: 4 porções
Palavras-Chave:
Batatas Anna, Batatas ao forno, Batatas gratinadas, receita com batatas, Receita vegetariana, Travessa de batatas,
Ingredientes:
  • 1k de batatas sem casca
  • 60g de manteiga sem sal ou (5 colheres sopa)
  • Sal a gosto
Modo de fazer:
  1. Preaqueça o forno a 250°C.
  2. Corte rodelas de batatas de 4mm, você pode usar uma faca afiada ou a mandolina e reserve sem lavar.
  3. Em uma panela pequena, derreta a manteiga em fogo médio e cozinhe girando a panela para fazê-la dourar.
  4. Inicialmente ela vai ferver e formar bolhas graúdas. Em seguida, as bolhas começarão a reduzir bem, ela vai ficar levemente dourada e com aroma de nozes.
  5. Desligue o fogo e transfira imediatamente para uma tigela de vidro para cortar o cozimento.
  6. Pegue uma frigideira que possa ir ao forno ou uma forma de aproximadamente 25cm.
  7. Unte-a levemente com manteiga dourada.
  8. Cubra o fundo com ⅓ das rodelas de batatas, deixando-as ligeiramente sobrepostas e formando um padrão circular.
  9. Pincele-as com ⅓ da manteiga e polvilhe com sal.
  10. Repita o processo com as outras duas camadas de batata, de manteiga e sal.
  11. Coloque a forma ou frigideira na boca do fogão e deixe cozinhar por 10 minutos sem mexer. A ideia é começar a dourar a base.
  12. Cubra a forma com papel alumínio e leve ao forno por 30 minutos.
  13. Retire o papel alumínio e coloque de volta no forno para assar por mais 30 minutos.
  14. Se o seu forno tem grill você pode ligá-lo nos últimos 10 ou 15 minutos.
  15. O prato estará pronto quando a superfície estiver dourada e um pouco crocante.
  16. Retire do forno e deixe descansar por 10 minutos para que a torta se acomode.
  17. Delicadamente, passe uma espátula nas laterais e no fundo para soltar qualquer batata que esteja colada.
  18. Com cuidado, vire em um prato, deixando o a parte que estava no fundo, virada para cima.
  19. Se alguma rodela de batata ficar grudada, solte-a da frigideira e devolva ao seu lugar.
  20. Corte em fatias e sirva.
 

Dicas para o preparo:

  • Eu usei 5 batatas, mas elas eram bem grandes. Pela foto você pode ter uma ideia.
  • Eu fiz o corte usando o mandolim, com ele o corte é ágil e preciso, mas você pode fazer com a faca.
  • Veja a cor da manteiga na foto da direita, ela fica com tom amendoado claro. Cuide para não queimar, assim que começar ficar marrom clarinho, já tire da panela. É natural que a manteiga dourada crie pontinhos escuros.
  • É importante que as batatas não sejam lavadas, o amido delas ajuda a unir o prato.
  • A montagem é simples, lembre que são 3 camadas de batata  3 camadas de manteiga. Pronto!

A ideia de levar a forma para a boca do fogão é começar a dourar a base, a manteiga vai ferver e depois vai começar a caramelizar. No meu caso foram 10 minutos de fogo alto, mas pode variar um pouco.

 

 

Você fez essa receita de batatas gratinadas?

Então me conte o que achou do resultado. Se puder, deixe seu comentário lá no final desse post e avalie dando a quantidade de estrelas que essa receita merece. A sua opinião é muito importante para mim e principalmente, para os outros leitores que chegam até esse post.

batatas gratinadas

 

Batatas gratinadas com manteiga dourada

 

Simples, com poucos ingredientes e deliciosa.

 

 

 

Essa é a capa do livro Paris em casa. Estou encantada com a primeira receita e com muitas outras que já escolhi para fazer.

Livro Paris em casa

 

Gostou da receita de batatas gratinadas? Então, salve as imagens nas suas pastas do Pinterest. Assim você pode guardar e fazer na sua casa quando quiser.

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Avaliação: