9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado.

 

Brasil e Argentina duas culturas unidas pela gastronomia; Festival acontece de 5 a 15 de outubro no Centro de Gramado

 

Bistrot Pasctaciutta. Foto Cleiton Thiele/SerraPress

A arte de harmonizar vinhos e gastronomia revelada na união de duas culturas: Brasil e Argentina. Esta e a essência do 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado. Desta vez, a capital do turismo gaúcho se prepara para uma programação enraizada na gastronomia e aberta a todos. O evento acontecerá entre os dias 05 e 15 de outubro, das 10h às 22 horas, em três pontos centrais da cidade: na Rua Coberta, Praça Major Nicoletti e Rua Pedro Benetti.

O circuito gastronômico será composto por 18 restaurantes, quatro adegas brasileiras e bodegas para degustação de vinhos de Mendoza – capital argentina do vinho. Somam-se às comidas, mais de 20 pontos de venda de bebidas, que vão das cervejas artesanais da região das Hortênsias até as mais tradicionais vinícolas brasileiras e argentinas. As vinícolas vão oferecer doses em taças, copos e garrafas para atender a todos os gostos e bolsos.

Diariamente, chefs, sommeliers, enólogos e demais experts em temas ligados à gastronomia apresentarão e ensinarão técnicas e receitas, degustarão vinhos, cervejas, whiskies, drinks, azeites e charutos para profissionais e entusiastas – atividades em sua maioria gratuitas. No dia sábado, 07, das 9h às 13h, acontece a primeira etapa do concurso mais delicioso duelo Brasil X Argentina do festival. A partir do dia 7 de outubro acontecerá o concurso de chefs – uma promoção do Senac, premiando o melhor chef do evento.

Na programação ainda oficinas com enólogos mendocinos e um Tour Gastronômico – que acontece 10 dias antes da abertura oficial do festival e segue até o final de outubro. Será uma visita orientada para apresentação dos pratos inspirados em tradicionais ingredientes dos nossos hermanos e uma forma de aquecer a largada do Festival. A tradicional Corrida de Garçons também complementa a programação.

O 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado vem sendo estruturado desde novembro de 2016 e conta com a colaboração e curadoria de chefs e restauranteiros de Mendoza e Gramado. A realizadora do evento – a Gramadotur – enviou uma equipe técnica para uma imersão em Mendoza. Foram escolhidos quatro destacados cozinheiros mendocinos – que atuam chefiando as cozinhas em algumas das mais renomadas e seletas bodegas do destino para integrar o festival.

FESTINS HARMONIZAM VINHOS ÀS RECEITAS BRASILEIRAS E ARGENTINAS

O ponto alto ficará por conta dos Festins – jantares harmonizados com vinhos –  reservados para os dias 05, 06, 12, 13 e 14 de outubro. Os jantares têm vagas limitadas e vão demonstrar a integração das técnicas e ingredientes das duas culturas tema do evento. Os pratos unificam os sabores de Brasil e Argentina ou reeditam receitas tradicionais dos dois países, com elaboração dos chefs Sebastian Weingandt (Bodega Renacer), Patricia Roggerone (Bodega Norton), Matías Aldasoro (Bodega Zuccardi) e Santiago Maestre (Casa El Enemigo). Os jantares custam R$250,00 por pessoa.

Programação dos Festins

05/10 – Bistrot Pastasciutta – Chef Sebastian Weingandt (Bodega Renacer)

06/10 – Malbec Restaurante – Chef Patricia Roggerone (Bodega Norton)

13/10 – Bouquet Garni – Chef Matías Aldasoro (Bodega Zuccardi)

14/10 – Nonno Mio – Chef Santiago Maestre (Casa El Enemigo)

 

Festim de Encerramento

15/10 – Belle Du Vallais

 

COZINHA EXPERIMENTAL E MUITA MÚSICA

Não será apenas de degustação a programação do 9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado. Uma experiência prática na cozinha estará disponível durante todos os dias do festival. O projeto Cozinha Experimental, realizado em parceria com o SENAC, vai oferecer oficinas gastronômicas com a participação de chefs argentinos e brasileiros. As receitas vão de carreteiro, pão de queijo e pudim até empanadas e alfajores.

O evento conta ainda com a participação especial do chef argentino – radicado no Rio Grande do Sul, Diego Andino. De forte influência na culinária francesa, Diego tem como carro chefe a mil folhas de doce de leite e a mistura de frutas silvestres nas suas receitas. A Diego Andino Pâtisserie carrega nove títulos de melhor doce da cidade de Porto Alegre, eleito pela premiação da Revista Veja Comer & Beber.

Além da gastronomia, o  9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado também contará com uma extensa programação cultural com curadoria da Touche Cultural. A co-curadoria argentina é do produtor e músico argentino, Polo Martí – consultor das orquestras filarmônica e sinfônica de Mendoza. Serão espetáculos e shows artísticos dos dois países tema do festival. O destaque fica por conta da vinda de Ivan Lins para serra gaúcha. O cantor e compositor carioca conhecido pelas letras de ‘Madalena’ (lançada por Elis Regina), ‘Abre Alas’, ‘Meu País’, entre outras, se apresenta no último dia do festival, 15/10. O show está marcado para as 18h30min, na Praça Major Nicoletti.

 

A organização do evento é da Gramadotur, realização da Prefeitura Municipal de Gramado, co-realização da Abrasel e apoio institucional do Consulado Argentino.

 

 

CHEFS CONVIDADOS

Chef Patricia Rogeronne – Bodega Norton

Chef Sebastian Wein – Bodega Renacer

Chef Santiago Maestre – Casa El Enemigo

Chef Matías Aldasoro – Bodega Zuccardi (Piedra Infinita)

 

PARTICIPAÇÃO ESPECIAL: chef argentino e radicado no Brasil, Diego Andino

Diego Andino nasceu em Buenos Aires, Argentina, Aprendeu a preparar doces quando pequeno com a avó de origem francesa, dona Ema Lerena – fonte de muitas receitas e que até hoje fazem sucesso. Teve a primeira oportunidade de trabalho com um dos principais nomes argentinos, o Chef Francis Mallmann. Incansável na procura de novidades e sempre em busca de aperfeiçoamento, durante dois anos trabalhou em hotéis e pâtisseries na Espanha. Ao retornar à terra natal, no ano de 1989, inaugurou a sua primeira pâtisserie, a Duendes e Dulces, na Patagônia. Em 1993 foi convidado a prestar consultoria para a empresa Almac Fresh Market, no Chile tendo a oportunidade também de inaugurar mais uma propriedade: a empresa Food Trainning.  Casado com uma gaúcha chegou ao Brasil no ano 2000, com ele trouxe Know-how e um novo conceito na arte de fazer sobremesas. Aqui, iniciou sua trajetória no restaurante Épico, porém devido ao seu grande sucesso, em 2004 o “mago dos doces” tornou-se proprietário de sua primeira Empresa a Diego Andino Pâtisserie. Além de ter a mil folhas de doce de leite como carro chefe, os macarons e doces da culinária francesa são o forte do menu da pâtisserie.

 

 

SERVIÇO:

9º Festival de Cultura e Gastronomia de Gramado

Quando: de 05 a 15 de outubro

Onde: Rua Coberta, Praça Major Nicoletti e Rua Pedro Benetti – Centro de Gramado

Horário: das 10h às 22h

 

Informações para imprensa:

re-paginada assessoria criativa

Rachel Duarte | rachel@repaginada.com.br

51 9 93704846

Renata Germano | renata@repaginada.com.br

51 9 9281 7800

Fotos para imprensa :: www.cleitonthiele.com/gastronomia

Créditos: Cleiton Thiele/ Divulgação